Agência Senado

Ângela Portela diz que Temer promove ‘toma lá, dá cá’ e prejudica os mais pobres

A senadora Ângela Portela (PDT-RR) acusou nesta terça-feira (1º) o presidente da República, Michel Temer, de promover um verdadeiro “toma lá dá cá”, para evitar o acolhimento da denúncia da Procuradoria-Geral da República por corrupção passiva na Câmara dos Deputados.

Ângela Portela também criticou em Plenário as medidas econômicas tomadas pelo governo e disse que os mais pobres são os mais prejudicados com as políticas implementadas por Temer. A senadora também se manifestou contra as reformas da Previdência e trabalhista (que já virou lei), duas das principais bandeiras do governo.

A senadora destacou que o governo caminha agora para atingir outros cidadãos, como os servidores públicos, descumprindo acordos já firmados e transformados em lei.

— O governo Temer já fala em adiar os reajustes salariais que o próprio presidente se comprometeu a honrar. Cumprir as leis é mandatário de um Estado Democrático de Direito. Quando o próprio governo as descumpre, o que esperar mais?

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)